"Sem a curiosidade que move, que me inquieta, que me insere na busca, não aprendo, nem ensino". Autor: Paulo Freire.

30 de nov de 2015

·         PLAC 3 – ATIVIDADE 1 – O que será realizado
Iremos abordar um assunto extremamente contemporâneo e de extrema importância no que diz respeito ao consumo e uso racional de energia elétrica, despertando de modo didático que o tema proposto se refere ao dia a dia do aluno, sua família, trabalho e circulo de amizade, etc. Consideramos que o tema: “consumo de energia elétrica” trás uma dinâmica otimista e reflexiva de um assunto bastante atual e relevante para a sociedade e contribui de maneira muito especial para a formação de nossos alunos, procuramos dessa forma implantar uma postura ambiental responsável e equilibrada dentro do contexto em que vivemos.
A contribuição que essa integração irá oferecer para os estudantes é que diante do fator consumo, deve-se prioritariamente haver a consciência na qual se aplicarão conceitos matemáticos, ao serem utilizados programas de simulação: a quantidade de energia elétrica consumida; a quantidade de energia que poderá ser economizada; fazer a comparação da simulação com a fatura de energia elétrica que chega a suas residências mensalmente.
Este pode ser o início de uma experiência que poderá ser extensiva para outras formas de consumo (uso racional do consumo de água, uso racional do consumo de combustível), possibilitando estudar também outras formas de energia. Essa experiência poderá enriquecer quando o estudante deixar seu legado dentro do ambiente escolar, mais ainda: aplicando em sua rotina diária – em casa, trabalho, entre outros locais; pois poderá exercer tal conhecimento influenciando/contagiando outros a terem a mesma postura no que diz respeito ao uso racional energético.
Com essa nova pratica pedagógica, o aluno retém mais o que é estudado, assimila melhor o assunto abordado em classe; já a unidade escolar, tem muito a ganhar com esse tipo de metodologias, utilizando as TDICs, pois, significa algo inovador, e com alunos melhorando seu desempenho escolar, suas notas e outras qualidades, melhora inclusive o conceito da escola perante a comunidade, bem como perante vizinhos, colegas e familiares dos estudantes.

O trabalho interdisciplinar fortalece a aprendizagem por parte do aluno, bem como interliga as disciplinas, os professores se tornam uma equipe: onde um ajuda o outro inclusive trocam experiências, incentivam o uso de outras tecnologias, além do que uma feira de ciências, por exemplo, se torna mais rico em detalhes, pois não abrange só uma dimensão, mas várias. Essa prática/interação disciplinar pode ser feita de modo interdisciplinar, por exemplo, abrangendo as disciplinas de matemática, física, química, nas leituras a interpretação e compreensão de textos (língua portuguesa), mas neste momento, não irá ocorrer com outros professores desta maneira  porque estamos em diferentes níveis de ensino, e diferentes conteúdos, por exemplo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expresse-se! Dê sua opinião.